logo
  • Marcação de consultas
    (11) 2306-8120

    Whatsapp
    (11) 96316-2985
  • O que é DTM?

    O que é DTM?

    Dores na face, ATM e/ou músculos mastigatórios, dores na cabeça e na orelha, ruído na articulação, dificuldade para abrir e fechar a boca, dificuldade para morder e cortar alimentos; estes são alguns dos sintomas relacionados à disfunção da articulação temporomandibular (DTM).

    Um estudo recente concluiu que 37,5% da população apresentavam ao menos um sintoma de DTM. Embora possam ocorrer em qualquer idade, são mais comuns entre indivíduos de 13 a 35 anos e quatro vezes mais prevalentes em mulheres do que em homens. Segundo a Academia Americana de Dor Orofacial, a DTM é definida como um conjunto de distúrbios que envolvem os músculos mastigatórios, a articulação temporomandibular (ATM) e estruturas associada.

    A Articulação Temporomandibular (ATM) é um elemento do sistema estomatognático formado por várias estruturas internas e externas, capaz de realizar movimentos complexos. A mastigação, a deglutição, a fonação e a postura, dependem muito da função, saúde e estabilidade desta para funcionarem de forma adequada.

    Na maioria dos indivíduos, o sistema mastigatório funciona normal e eficientemente, sem consequências significativas. No entanto, ao longo da vida, certos fatores podem interromper a função normal, criando a disfunção das estruturas mastigatórias. A identificação adequada dos fatores corretosé a base para o sucesso do tratamento.

    Os cinco fatores principais associados à DTM são condição oclusal, trauma, estresse emocional, fontes de estímulos de dor profunda e atividades parafuncionais (ex.: apertar ou ranger os dentes). As alterações causadas pela DTM, em especial a dor, podem interferir nas atividades diárias sociais do indivíduo afetado levando a um efeito negativo na função social, na saúde emocional, e no nível de energia.

    É fundamental a procura do paciente por um cirurgião dentista capaz de diagnosticar e tratar de forma eficiente à disfunção da articulação temporomandibular.

     

    Referências:

    – Livro: Tratamento das Desordens Temporomandibulares e Oclusão . Jeffrey P. Okeson

    – Associação entre disfunção temporomandibular e depressão. Toledo BAS; Capote TSO; Campos JADB . Brasil, 2008.

    – Correlação entre disfunção temporomandibular, postura e qualidade de vida. Biasotto-Gonzalez et al; São Paulo , abril, 2008.

    – Termo do 1º Consenso em Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial. Carrara SV, Conti PCR, Barbosa JS; Dental Press J Orthod, 2010 May-June;15(3):114-20.

    Deixe um comentário →

Deixe um comentário

Cancel reply

Photostream